Para uma melhor experiência, altere seu navegador para CHROME, FIREFOX, OPERA ou Internet Explorer.

Cavalo Crioulo em Minas Gerais

Criadores mineiros de cavalos Crioulos investem em qualificação profissional

No último ano, o cavalo Crioulo teve crescimento de 4,35% no país, segundo dados da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC). No total, foram registrados 480,65 mil exemplares em todo o país, com alta verificada em todas as regiões brasileiras. No Sudeste, por exemplo, a evolução foi de 4,69%, especialmente puxado pelo número de usuários de animais para o lazer e também esportes equestres, além do trabalho a campo, com criadores de raças bovinas buscando os equinos como ferramenta na pecuária extensiva.

Em Minas Gerais não tem sido diferente. Desde 2015, com a criação do Núcleo de Criadores do Estado, o interesse pela raça Crioula tem aumentado dentro de um mercado que movimenta R$ 1,28 bilhão por ano e gera 240 mil empregos diretos e indiretos segundo dados da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da Universidade de São Paulo (Esalq/USP). Com isso, a preocupação com a qualificação da mão de obra vem sendo trabalhada pelos criadores mineiros. Tanto que nos dias 17 e 18 de fevereiro será realizado em Uberaba, durante a Expoinel, o primeiro curso de preparo de morfologia e julgamento, preparado para os proprietários dos cavalos e também os cabanheiros, que são os profissionais responsáveis pelos cuidados e preparo dos equinos.

Conforme o presidente do núcleo mineiro, Marcelo Moura, o objetivo é o de qualificar os profissionais, especialmente com o aumento da demanda pelo cavalo Crioulo na região Sudeste e Centro-Oeste. Como a raça tem suas particularidades em relação à outras, a ideia é mostrar aos profissionais quais são as exigências, especialmente na hora de preparar os animais para participar de exposições. “Queremos mostrar aos trabalhadores o estilo do crioulo na preparação dos animais”, salienta.

Moura ressalta que o núcleo vem reforçando a divulgação da raça Crioula em exposições e feiras de bovinos. Neste ano novamente deve ser um dos destaques da Expozebu, com a segunda edição da exposição da raça durante o evento. Este trabalho, de acordo com o dirigente, vem obtendo resultados. “O espaço que a raça Crioula tem para crescer é muito grande, especialmente no centro e norte do país. Muitos dos criadores de Nelore que temos contato estão entrando primeiramente com cavalos para o serviço, mas se interessando pela genética e buscando esta genética do sul”, observa.

De acordo com o analista de Expansão da ABCCC, Gérson Medeiros, junto com o crescimento do cavalo Crioulo, a entidade tem a preocupação de oferecer um bom resultado e com qualidade, e para isso é importante preparar pessoas que saibam trabalhar o cavalo, bem como apresentá-lo e da melhor maneira mostrar este produto para o mercado, em provas e em exposições. “Por isso a qualificação é muito importante, e quem acredita nisso tem buscado formas para melhorar o manejo e o trabalho com o animal”, analisa.

Medeiros avalia que é mais interessante e viável qualificar a mão-de-obra local do que deslocar pessoas que já possuem esta prática para trabalhar em outros lugares fora do eixo Sul. “Por isso a ABCCC prioriza a formação desta mão-de-obra qualificada para trabalhar com cavalos, oferecendo cursos com profissionais da área, fomentando este mercado, que segue em crescimento e com muitos horizontes ainda para expandir”, enfatiza.

O curso será ministrado pelo médico veterinário Thiago Andreolla Persici, supervisores técnicos da ABCCC, e pelo domador e cabanheiro e Claiton Jardel, o Dula. O evento ocorre no Parque Fernando Costa e inicia às 14h na sexta-feira, dia 16, e às 8h no sábado, dia 17. Informações e inscrições podem ser obtidas pelo telefone (34) 3317.2407 e e-mail [email protected]

Comentários (2)


  1. Donizette Pereira dos Santos

    Quero receber informações a respeito da criação do cavalo crioulo em Minas Gerais, e havendo a oportunidade em adquirir alguns exemplares

    • Olá Donizette, obrigado pelo contato!
      Você pode obter informações sobre a raça Crioulo diretamente do Núcleo de Minas Gerais.

      Segue as informações:
      Praça Vicentino Rodrigues da Cunha, 110 quadra 5 lote 1 – Parque de Exposição Fernando Costa Bairro: São Benedito
      Uberaba
      Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos de Minas Gerais – Ncccmg
      E-mail: [email protected]

Deixe o seu comentário


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo Baixar App
Baixar App