Festa Nacional do Cavalo Crioulo em Ararangá (SC)

festa nacional do cavalo crioulo

O Extremo-Sul de Santa Catarina já pode se orgulhar. Em tempos onde o país tenta sobressair à uma profunda crise política e econômica, a região do Vale do Araranguá dá exemplo de superação e ganha destaque no cenário nacional em uma das áreas que mais cresce no Brasil, o agronegócio. A criação de cavalos crioulos está impulsionando o setor na região e os dados do Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos do Sul Catarinense-NCCC-SC são otimistas.

Nos últimos dez anos, o número de criadores saltou de apenas dois para 50, o que consequentemente, representa um avanço também na mesma proporção, na criação de cavalos da raça crioula. Segundo Vilmar Costa, integrante da associação, houve aumento também nos usuários de cavalo crioulo na região. “Há quase 10 anos me dedico à criação de cavalos crioulos no Vale do Araranguá e percebo ao longo desta década, um crescimento grande da raça, do número de criadores e de usuários. Isso favorece a economia local pois cada animal possui um investimento considerável”, explica o criador.

 De acordo com o presidente do Núcleo, Geandre da Silva Bernardino, o grande desafio é ampliar estes números, pois diante do cenário nacional ainda há muito para avançar. “Rio Grande do Sul tem 85% da raça, enquanto Santa Catarina 10% e o restante do país outros 5%” afirma.

Festa Nacional para celebrar o crescimento

Mas é para contribuir com a difusão da cultura de criação de cavalos crioulos em Santa Catarina, que o Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos do Sul Catarinense-NCCC-SC realiza de 11 à 13 de novembro, a 1ª Festa Nacional do Cavalo Crioulo. O evento terá palestras técnicas, concentração de machos, campereada, exposição morfológica, crioulaço e laço criador não oficial, paleteada, bailes, gastronomia, música e atrações culturais.

A festa terá como local o Caverá Country Park, que já foi palco de grandes eventos internacionais do gênero, sediando inclusive as etapas de Credenciadora ao Freio de Ouro e as etapas de Classificatórias ao Freio de Ouro, mais importante prova da raça crioula no Brasil.

De acordo com Eraldo Vieira, proprietário do local, o Complexo de Turismo e Lazer Caverá Country Park, já está com tudo pronto para receber os visitantes que devem vir dos quatro cantos do país. “Estarão reunidos em Araranguá, os mais importantes criadores de cavalos crioulos do país. São visitantes vindos de várias regiões do Brasil para um evento que reforça a nossa economia e que valoriza o nosso turismo, portanto todos da nossa cidade e região do Vale, são convidados a ser anfitriões desta festa que não é do núcleo, não é do Caverá, é de todos nós. Sejamos todos bons anfitriões”, convida Eraldo. 

Crescimento acompanha evolução nacional 

A Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) divulgou um levantamento que aponta que em 2015, o crescimento da criação de cavalos da raça Crioula no Brasil foi de 6,4%, com um plantel de 402.341 animais, aumento de quase 25 mil cavalos em relação aos 377.882 registrados no ano de 2014. Na região Sul, a que possui o maior número de cavalos da raça crioula, 379.276, o crescimento foi de 6,2%.

Para que o ritmo continue sendo de crescimento também no Extremo-Sul, o Núcleo de Criadores planeja continuar com as ações que resultaram na expansão da raça até agora. Para o presidente da entidade, Geandre Bernardino, além do planejamento NCCC-SC, a habilidade em modalidades esportivas e a resistência no trabalho dos cavalos da raça Crioula foram determinantes para o crescimento das criações no Sul de Santa Catarina.

(Com informações de Saulo Pithan/Assessor de Imprensa Caverá Country Park)

Responder